COORTE NASCER PREMATURO – SOBREVIDA E FATORES DE RISCO PARA MORTALIDADE EM PREMATUROS DE UNIDADES DE TERAPIA INTENSIVA DO SUDOESTE BAIANO

O Brasil encontra-se entre os dez países com as maiores taxas de prematuridade,  tornando-se problema perinatal de relevância na atualidade. A assistência perinatal adequada pode modificar o prognóstico dos prematuros através da redução das morbidades associadas e melhora da sobrevida. Vitória da Conquista (VDC) situa-se como polo de referência em assistência neonatal de alto risco no sudoeste baiano e norte de Minas Gerais. Nesse contexto, desenvolve-se a pesquisa “Coorte Nascer Prematuro”. O objetivo da coorte é estudar a sobrevida e os fatores associados ao óbito dos prematuros internados em três UTI neonatais, bem como as características maternas, gestacionais, e do nascimento e dos prematuros, durante o período neonatal. O estudo é uma coorte retrospectiva desenvolvida no município de VDC, em três  hospitais. Foram incluídos todos os prematuros internados nas UTI neonatais desses hospitais entre o período de 01 de janeiro de 2016 a 31 de dezembro de 2017. Serão excluídos os portadores de anomalia congênita. O instrumento de coleta foi construído com base no questionário do Inquérito Nascer Para o Brasil (LEAL, et al 2012). Tal instrumento foi organizado em nove blocos: Dados gerais maternos, antecedentes pessoais de risco materno, antecedentes clínico-obstétricos, dados da gestação atual, dados do parto, dados do RN, diagnósticos dos RN,acompanhamento diário durante o período neonatal, acompanhamento dos exames realizados. O projeto foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa (CEP) do IMS/CAT UFBA no dia 05 de fevereiro de 2018. Realizou-se a seleção e treinamento dos pesquisadores, e em seguida, o estudo piloto. Foi iniciada a coleta digital de dados dos prontuários arquivados, por meio do uso de tablets, através do aplicativo Kobo Tollbox 1.4.8 ® As análises estatísticas serão conduzidas utilizando o software Stata versão 15.0. As coletas foram iniciadas em junho de 2018 e as análises preliminares serão divulgadas, posteriormente.  A Coorte Nascer Prematuro é um estudo regional inédito e de grande relevância, visto que seus resultados poderão elucidar acerca dos fatores associados a morbidade e mortalidade dos prematuros no período neonatal.  Dessa forma, contribuirá para a construção de políticas públicas locais e regionais que permitam a consolidação da rede perinatal integrada e a qualificação do cuidado baseado nas melhores evidências científicas.

Apresentado na II Jornada de Pediatria do Sudoeste da Bahia.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s